Por Upsocl
24 marzo, 2020

A natureza precisava que ficássemos em casa

Desde que o coronavírus começou a se espalhar rapidamente de Wuhan, na China, para o resto do mundo e depois foi declarado uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde, as autoridades de muitos países decidiram colocar em quarentena alguns de seus lugares mais movimentados, como precaução.

Mas ninguém imaginou que quase não veríamos a presença de pessoas nesses lugares.

A maioria dos lugares agora estão limpos e podemos facilmente apreciar sua verdadeira beleza:

1. Veneza

Depois que as pessoas tiveram que ficar em suas casas, de repente os canais de Veneza amanheceram limpos, com água cristalina e até os cisnes voltaram a nadar naquela área.

Twitter @ikaveri

Podemos ver até peixes!


2. Fontana Di Trevi

A Fonte di Trevi é uma das fontes mais extraordinárias de Roma, por isso é sempre cercada por turistas admirando seus detalhes barrocos, jogando moedas e fazendo desejos. No entanto, agora que a cidade está em quarentena, está completamente vazia. Resguardada apenas pela polícia e por ocasionais pombos que andam pelo local, aproveitando a baixa presença de pessoas.


3. Kaaba

 

Este é o lugar sagrado mais importante do Islã. O prisma retangular fica dentro da mesquita Masjid al-Haram, em Meca, e geralmente é cercado por centenas de peregrinos. No entanto, agora está totalmente vazia.


4. Palácio de Chaillot

 

Você já imaginou ver a Torre Eiffel tão vazia? Certamente que não. Hoje, no entanto, os únicos que desfrutam dessa paisagem são dois policiais, que garantem que as pessoas respeitem a quarentena.


5. Las Vegas

 

Durante a quarentena, a cidade de diversão, os cassinos, shows e muitas atividades noturnas estão sem ninguém.


6. Praça da Espanha

 

A Escadaria Espanhola em Roma é geralmente usada pelos turistas para apreciar a vista ou fazer uma pausa nos dias quentes. No entanto, agora está completamente vazia.


7. Templo Sensō-ji

 

O Templo Sensō-ji recebe milhares de turistas todos os anos interessados ​​em aprender sobre a arquitetura do templo mais antigo do Japão. No entanto, agora que o coronavírus afetou a saúde de muitas pessoas naquele país, hoje os corredores são percorridos por poucos turistas.


8. Praça de São Marcos

A Praça de São Marcos costumava ser o local acolhedor para os milhares de turistas que vêm a Veneza para navegar pelos canais. No entanto, ela agora está totalmente solitária.

Puede interesarte