Por Upsocl
24 noviembre, 2021

O psicopata assassino em série está no centro da polêmica, tudo depois de que neste novo filme fizesse como vítima um casal homossexual. Gerou reações negativas nas redes sociais, chamando a cancelar o personagem.

Um dos vilões mais históricos é Michael Myers, que é conhecido por suas atrocidades e crimes sem precedentes na saga de terror “Halloween”. E, mesmo que suas histórias sempre sejam bem recebidas, ao que parece o assassino em série não está sendo o favorito.

Com a estreia do último filme “Halloween Kills”, protagonizada por James Jude Courtney e Jamie Lee Curtis, as redes sociais não foram indiferentes e as primeiras opiniões já estão disponíveis. Uma das que mais chamaram a atenção é rotular Myers de “homofóbico”.

Universal Pictures

*Se você não viu Halloween Kills e não quer spoilers, não siga lendo*

Durante uma cena do filme, o assassino em série chega ao seu lar de infância, onde agora vive um casal gay nela.

Ao vê-los naquele lugar de tantas lembranças para ele, e com a sua mente criminosa no meio, Michael Myers decide assassinar de forma brutal o casal para depois deixá-los um ao lado do outro.

No entanto, muitos apreciaram a representação LGBTQ+ no filme, muitos outros se mostraram ofendidas nas redes sociais por escolher um casal gay para ser assassinado, pois estaria entregando mensagens homofóbicas para o público.

Twitter
Twitter

Com a ideia de cancelar o personagem de terror, chamando a não ver o filme e demonstrar a sua raiva nas redes, outras pessoas defendem o psicopata alegando que é “só um assassino”.

“Em Halloween Kills, Michael Myers mata um casal negro, um casal branco, um casal interracial, duas crianças, 11 bombeiros, pelo menos quatro idosos, oh e a metade de Haddonfield. Mas é homofóbico por matar um casal gay…”, comentou de forma irônica um dos usuários.

 

Mas este não foi o único “mas” que recebeu Halloween Kills em sua estreia, mas um usuário de Change.org fez uma petição para que se eliminasse a cena em que Myers assassina um corpo de bombeiros de forma brutal.

Por enquanto, Universal não se referiu ao assunto e as cenas continuam intactas no filme à medida que aumenta a sua popularidade na bilheteria.

Puede interesarte