Por Upsocl
18 enero, 2021

Lilia (27) e Ulises (30) sempre souberam que não queriam filhos, mesmo antes de se conhecerem. Suportando todas as críticas, ele decidiu fazer uma vasectomia e ela vai esperar passar a pandemia para fazer a operação. Suas opiniões são as únicas que importam.

Poderíamos dizer que, com o passar do tempo, houve uma grande mudança de paradigma quanto à forma como as famílias são constituídas. Antes, as coisas eram muito simples: casar e ter filhos andavam de mãos dadas, e era muito mal visto se não fosse assim.

Getty Images

Mas hoje, muitos casais estão decidindo não ter filhos e rompendo com a “tradição”, sabendo como são todos os compromissos e responsabilidades que a criação de um filho acarreta, além de um óbvio sacrifício da vida pessoal e conjugal.

Dito isso, surgiu na mídia o caso de Lilia e Ulises, um casal de bombeiros de Hermosillo (Sonora, México) que, com não mais de 30 anos de idade, decidiram fazer a cirurgia para não terem filhos. Ele já fez uma vasectomia e ela vai esperar que a pandemia seja controlada para fazer a cirurgia.

El Imparcial

Para Ulises, a paternidade era um assunto complicado e preocupante porque ele nunca quis ter filhos. Por isso, quando conheceu Lilia e descobriu o que ela pensava sobre o assunto, não quis mais largá-la.

“Quando nos conhecemos queríamos nos abrir um pouco mais, já estávamos crescidos e não era um namoro simples, mas já sabíamos o que queríamos e como iríamos fazer. Quando ela disse: ‘Quer saber? Eu não quero filhos.’ Fiquei impressionado porque eu também não queria e foi o momento em que dissemos: ‘Somos um para o outro’.”

—Ulises Velásquez para El Imparcial

Imagen referencial (About Kids Health)

Além disso, Ulises comentou que em sua família existem muitas doenças congênitas presentes, por isso ele tinha muito medo de que seus possíveis futuros filhos tivessem alguma delas. Foi uma reafirmação da sua postura.

Pelo mesmo motivo, ele e Lilia buscaram métodos anticoncepcionais para ambos. Mas quando perceberam que eram apenas para as mulheres e que a saúde de Lilia poderia correr risco, Ulises decidiu dar o primeiro passo e fazer uma vasectomia.

El Imparcial

“Para mim, foi um grande ato de amor ele ter decidido fazer uma cirurgia. Mesmo assim, também tenho o desejo de fazê-lo assim que passar a pandemia, para reafirmar minha posição e não correr riscos. Minha família aprendeu a respeitar minha decisão, com um pouco de decepção, mas aceitaram que é o que eu realmente quero.

—Lilia Zoraya Echeverría para El Imparcial

Tanto familiares e amigos, como também os médicos, os alertaram sobre as consequências de suas decisões, mas Lilia e Ulises são adultos que sabem o que querem.

Imagen referencial (Healthline)

E nós entendemos. Por que assumir o desafio de ter filhos se você não está 100% espiritualmente conectado com a ideia? É um ato de empatia e pouco egoísmo.

Puede interesarte