Por Upsocl
31 enero, 2020

Andrew O’Dwyer é um dos dois bombeiros que faleceu no sudeste de Sidney. Charlotte, sua filha, não entende muito bem o que aconteceu e se nega a deixar o caixão do seu herói.

Os grandes incêndios que têm assolado a Austrália têm causado um dano enorme. Ainda que a quantidade de pessoas mortas não é tão alta, cada falecido é uma grande perda. A natureza está sofrendo demais, mas os seres humanos também.

Esta garotinha orgulhosamente usa o capacete do seu pai, que perdeu a vida em um dos incêndios que atingiram o sudeste de Sidney. Ele morreu durante um intenso combate ao fogo. Agora, sua filha Charlotte se nega a deixar o caixão desse herói.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

A pequena Charlotte virou o símbolo da luta australiana. Após os meses de combate às chamas, os danos terríveis que tem sofrido o país, as pessoas e os animais, ver essas cenas inspira coragem para continuar na luta.

Ela tem quase um ano de vida e não entende muito bem o que está acontecendo. Vê as pessoas chorando e confortando ela por algo que não compreende: a morte. Ela tem escutado que o seu pai não estará mais presente, mas não consegue dimensionar o real significado daquilo. Na sua inocência, a tristeza de tal perda não se impõe.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

Andrew O’Dwyer tinha apenas 36 anos. Era voluntário do Corpo de Bombeiros e se converteu em um herói nacional. Um mártir. Andrew se tornou a vítima 25 dos incêndios na Austrália.

O jovem foi uma das duas vítimas que perderam a vida no sudeste de Sidney após a queda de uma árvore, que empurrou o seu caminhão para fora da estrada.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

Charlotte O’Dwyer caminha entre os adultos em meio a uma atmosfera de tristeza. Sua mãe, Melissa, a coloca nos braços para que ela dê o último adeus ao pai. Um beijo que provavelmente se lembrará para a vida toda quando se perguntar sobre o que aconteceu.

“Charlotte deveria saber que seu pai era um homem especial e que só se foi porque era um herói. Não há palavras que possam descrever adequadamente nossa dor, nosso respeito, pela perda de Andrew… neste trágico acidente”. 

Disse o comissário do Serviço de Bombeiros Rurais, Shane Fitzsimmons.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

O mesmo comissário se encarregou de colocar uma medalha no peito de Charlotte, em memória do seu pai. Ela ficou com o capacete na cabeça durante um longo tempo, sem abandoná-lo, como se soubesse que aquela seria a última vez que faria aquilo.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

Durante esses dias tem caído um pouco de chuva em alguns estados do país, mas não tem sido suficiente para conter os incêndios. Um dia de trégua, dizem. Um descanso no meio de tanto desastre.

Um momento para lamentar as perdas e recompor as energias, dentro do possível, para continuar o combate às chamas.

DEAN LEWINS/EPA-EFE/SHUTTERSTOCK

Se deseja ajudar a combater os incêndios na Austrália ou salvar animais atingidos pelo fogo, você pode doar para as seguintes organizações.

Hospital de koalas en Port Macquarie

Hospital de la fauna silvestre de Currubin

CFS volunteer firefighters

Australian Koala Foundation

Austrália necessita de nós.

Puede interesarte