Por Upsocl
15 octubre, 2020

“Minha irmã faleceu há 4 anos e Benito, seu animal de estimação, a acompanhou nos últimos 2 anos de vida e continua fazendo isso até hoje”, disse Belén no Twitter. Antes de chegar até o caixão, ele já caminha cheio de alegria. Sabe muito bem para onde eles estão se direcionando.

O amor pelos cães é incondicional e vitalício. Isso está cada vez mais demonstrado, porque os cachorros estão sempre dando motivos para amá-los para sempre, assim como eles nos amam. É o caso de Benito, um poodle fofo que continua visitando sua dona mesmo depois que ela faleceu.

Para Benito, é como se sua mãe humana nunca tivesse partido. Ele se recusa a aceitar, por isso sempre que vai ao túmulo onde Joha repousa, ele sempre se deita por cima e não se levanta até a hora de ir embora.

@Bele_dure / Twitter
@Bele_dure / Twitter

Essa linda história se tornou viral nas redes sociais, depois que Belén, a irmã da falecida, publicou o vídeo em sua conta no Twitter, que recebeu elogios pela fidelidade de Benito.

@Bele_dure / Twitter

“Vejam este amor incondicional. Joha é minha irmã, ela faleceu há 4 anos e ele é seu bichinho de estimação Benito, que a acompanhou durante os últimos 2 anos de sua vida e continua fazendo isso até hoje”, escreveu Belén na publicação.

“(Os cães) são os seres mais maravilhosos que existem, simplesmente porque são os únicos que dão o seu amor incondicional e eterno”, acrescentou Belén.

@Bele_dure / Twitter

No vídeo, você pode ver como Benito fica feliz toda vez que é dia de visitar Joha. Antes de chegar ao caixão de sua mãe humana, ele já caminha muito feliz e cheio de alegria. Sabe muito bem para onde se direcionam.

@Bele_dure / Twitter

Benito foi criado por Joha desde filhote, por isso ele sempre se lembrará dela de qualquer jeito. Isso é perceptível toda vez que eles chegam no túmulo. Quando chegam lá, ele enlouquece para que o levem até o caixão e estando por cima ele deita sem se mexer. Ele sabe que ela está ali e parece tentar abraçá-la.

Puede interesarte